A HomeAway utiliza cookies para melhorar a sua experiência no site. Saiba mais aqui. Ao continuar, está a consentir com o nosso uso de cookies.
A HomeAway utiliza cookies para melhorar a sua experiência no site. Saiba mais aqui. Ao continuar, está a consentir com o nosso uso de cookies.

Faça de uma casa de férias em Loures, Costa do Estoril – Lisboa a sua segunda casa.

Alojamento em Loures, Costa do Estoril - Lisboa

Loures como povoação remonta ao século XII. A articulação entre a herança saloia, o património paisagístico e construído, as festividades e os equipamentos de lazer fazem de Loures um destino irresistível. Síntese de um passado essencialmente rural e de um presente dominado quer pelo desenvolvimento económico quer pelo crescimento demográfico e requalificação do território, Loures foi evoluindo como um concelho de contrastes. Paisagens urbanas e industriais, recortadas por uma rede viária moderna, marcam a zona oriental. Aldeias e vilas saloias, terrenos agrícolas e zonas verdes selvagens, por sua vez, pintam de outras tonalidades a parte norte. Loures é, então, a soma desta coexistência equilibrada, com as tradições e identidade de um povo de raízes saloias e com as acções de valorização do património histórico.

 

O que fazer  em Loures, Costa do Estoril - Lisboa

Uma das grandes atracções de Loures é a Quinta do Conventinho, que exibe deslumbrantes jardins com fontes antigas, capela e convento fundado no século XVI. O espaço alberga, igualmente, o Museu Municipal, com mostras arqueológicas e etnográficas, mobiliário dos séculos XIX e XX e colecções ligadas ao mundo rural.

No património arquitectónico, destacam-se ainda o Palácio e Quinta do Correio-Mor (século XVIII), a Igreja Matriz (século XVI) e o cruzeiro (século XV) de Loures, o palácio barroco da Mitra, em Santo Antão do Tojal, e diversas belas casas como a da Quinta de Valflores (século XVI), em Santa Iria da Azóia.

A paisagem rural do concelho é também caracterizada pela existência de muitos moinhos, dos quais o Moinho da Apelação foi recentemente recuperado e funciona como fábrica e venda de pães aos visitantes.

Na gastronomia, o concelho é famoso pelo seu pão-de-ló, mas também oferece pratos tipícos como o arroz de cabidela, favas saloias e coelho à caçador. Merece ainda destaque o conhecido vinho branco de Bucelas, cuja produção teria sido introduzida na região pelos romanos e conheceu forte impulso pela mão do marquês de Pombal, que importou castas do Reno, no século XVIII, para valorizar a cultura e o sabor inconfundível do vinho.

Todos os anos realiza-se na cidade o famoso Carnaval de Loures,que leva à cidade dezenas de milhares de pessoas. O Carnaval de Loures é um dos mais antigos do país, com uma longa tradição que remonta a 1934 e que se intensificou ao longo dos anos. Inicialmente, caracterizava-se pela: saída das Cegadas, manifestações de teatro de rua. Outras das actividades tradicionais eram: o arremesso de ovos, os enfarinhamentos, os jogos de água junto ao chafariz do Largo 4 de Outubro, etc..Também os bailes animavam as noites dos Loureenses. As pessoas mascaravam-se e iam dançar no salão da “Sociedade”. Actualmente, o Carnaval de Loures, conta com 13 carros alegóricos e cerca de 1000 figurantes. Realizam-se algumas outras festas populares em Loures, tais como a Festa Anual da Nossa Senhora dos Remédios (de 23 a 25 de junho) na Bobadela, a Festa Anual de Nossa Senhora da Paz (segunda e terceira semanas de julho) em São João da Talha, a Procissão de Santa Maria de Loures (segunda semana de outubro) e o Aniversário das Freguesias de Apelação (15 de abril), Bobadela (25 de agosto), Camarate (1 de maio), Moscavide (23 de março), Portela (primeira semana de outubro), Prior Velho (30 de junho) e São João da Talha (em março). No artesanato salienta-se a tanoaria, a olaria, a tapeçaria, a funilaria, a cestaria, a pintura em vidro, barro, madeira, azulejo e tela, a escultura em madeira ou pedra, as rendas, os quadros e as miniaturas com conchas e búzios ou com areia e água.

Se optar em ter uma casa em Loures, não será difícil chegar até um dos três pequenos pauis na várzea de Loures, que servem de refúgio a diversas aves aquáticas, permitindo observar diversas espécies que geralmente não ocorrem a tão pequena distância da capital. Adicionalmente, os terrenos agrícolas envolventes também proporcionam boas oportunidades de observações da fauna local..

 O clima em Loures, Costa do Estoril - Lisboa

Com  clima ameno durante o inverno (com temperatura média de 15°C) Loures possui primaveras e verões ensolarados quando as temperaturas variam de 20°C a 28,0 °C.

 

Viajar para Loures, Costa do Estoril - Lisboa

O aeroporto mais próximo é o de Lisboa (cerca de 13km) de onde pode-se optar pelo transporte rodoviário ou ferroviário até Loures. Algumas das vias que chegam até Loures são o eixo da CREL (Queluz-Loures), a Radial de Odivelas, da A8 / IC1 (Lisboa-Mafra-Leiria), parte da CRIL com ligação à ponte Vasco da Gama, a variante à EN10 / IC2, da ligação Prior Velho/Camarate/Sacavém, e a entrada na A1/ IP 1 em Vale de Figueira ( S. João da Talha ).

Utilize os filtros para obter melhores resultados!

Casas para alugar em Loures para férias(4)

4 RESULTADOS
2 - 7 noite(s) estadia mínima
  • 4 Quar ,
  • 2 WC,
  • 1 WC Separados,
  • Pax 14
    (11)
    380€ - 550€
    por semana
    7 noite(s) estadia mínima
    • 2 Quar ,
    • 1 WC,
    • Pax 6
      (14)
      1 - 4 noite(s) estadia mínima
      • 2 Quar ,
      • 1 WC,
      • Pax 4
        (4)
        3 noite(s) estadia mínima
        • 1 Quar ,
        • 1 WC,
        • Pax 9